Quem sou eu

Minha foto
Agrônomo, com interesses em música e política

sexta-feira, 15 de janeiro de 2021

2021 sem pré

 Texto de Mateus Perdigão 


"Hoje, a essa hora, eu já estaria com um frio na barriga, teria recebido mensagens perguntando a hora da apresentação, já teria conversado com a Bebel 200 vezes ao telefone pra resolver problemas, teria confirmado 100 vezes o horário de chegada da banda na Praça do Ferreira, já estaria com camisas, instrumentos, coração e alma a postos. 


Mas esse ano não vai rolar. Não tem camisas, não tem instrumentos, não tem frio na barriga, mas ainda tem alma e coração. 


Bate uma tristeza, claro, de não poder fazer aquilo a que me dedico há quase 15 anos. 


Porém, mais difícil do que isso é ver muita gente se aglomerando por curtição, relaxando os cuidados, desacreditando a pandemia e suas consequências. 


Então, pra que possamos compartilhar momentos de alegria em breve, ou mesmo, quem sabe, no próximo ano, saudáveis, e pra que as pessoas das quais a gente gosta ainda estejam por aqui pra curtir conosco, cuidem-se! 


Fiquem em casa sempre que possível, evitem aglomerações e encontros desnecessários. Vacinem-se e divulguem a importância da vacinação aos que não entendem ou nao acreditam nisso. 


É importante também entendermos que o governo federal tem culpa nisso tudo que está acontecendo. A pandemia acontece no mundo todo, mas suas consequências no Brasil poderiam ser menores se ele agisse de forma minimamente humanitária. Como não é o caso, Bolsonaro e sua turma também são responsáveis por cada uma das mais de 200 mil mortes por Covid-19 nesse país. 


A melhor forma que a gente tem de acabar a pandemia é se cuidando e cuidando dos outros. Não menosprezem suas consequências. 


Cuidem-se!"

quarta-feira, 13 de janeiro de 2021

eleições primeiros 20 anos século XXI - FORTALEZA CE

 DATAPEBA - FORTALEZA CE

NOS PRIMEIROS 20 ANOS DO SÉCULO XXI TIVEMOS 10 ELEIÇÕES PRA GOVERNADOR(A) E PREFEITO(A). ABAIXO OS(AS) CANDIDATOS(AS) QUE AS DISPUTARAM, MAIS DE UMA VEZ:

1. MARCOS CALS - 2010 - PSDB
2012 - PSDB
2. ROBERTO CLAÚDIO - 2012 - PDT .......eleito
2016 - PSB .......reeleito.
* está no terceiro partido. ** foi deputado estadual antes da prefeitura.
3. CAMILO SANTANA - 2014 - PT .... eleito
2018 - PT .... reeleito
* foi deputado estadual antes do governo do estado.
4. MARCELO SILVA - 2004 - PV
2010 - PV
5. AILTON LOPES - 2014 - PSOL
2018 - PSOL
6. capitão wagner - 2016 - PR
2020 - PROS
* foi vereador, deputado estadual, é deputado federal. está no terceiro partido.
7. INÁCIO ARRUDA - 2004 - PC do B
2012 - PC do B
* foi vereador, deputado estadual, deputado federal, senador.
8. CID GOMES - 2006 - PSB ...eleito
2010 - PSB ...reeleito
* foi prefeito, deputado estadual, é senador. também é chegado a troca troca de partido, já se filiou a vários.
9. LÚCIO ALCANTÂRA - 2002 - PSDB ...eleito
2006 - PSDB
2010 - PR
10. moroni - 2004 - PFL
2008 - DEM
2012 - DEM
* foi vice-governador, deputado federal, vice-prefeito. Foi do PDC, PSDB, PFL E DEM
11. HEITOR FÉRRER - 2004 - PDT
2012 - PDT
2016 - PSB
2020 - SOLIDARIEDADE
* foi e é deputado estadual. depois de muitos anos no PDT está no terceiro partido.
12. LUIZZIANE LINS - 2004 - PT ... eleita
2008 - PT ... reeleita
2016 - PT
2020 - PT
* foi vereadora, deputada estadual, prefeita e deputada federal. É deputada federal.
13. GONZAGA - 2010 - PSTU
2012 - PSTU
2016 - PSTU
2020 - PSTU
14. RENATO ROSENO - 2006 - PSOL
2008 - PSOL
2012 - PSOL
2020 - PSOL
* foi filiado ao PT até 2005. foi deputado estadual. é deputado estadual.

quarta-feira, 30 de dezembro de 2020

MARACANAÚ CE


saiu a lista dos secretariáveis de Maracanaú CE

 2021-2024


Na lista:

Três Pessoa, sendo dois Pessoa Mota.

Três Camurça.

E um Neto que é pastor e vai pra pasta de assuntos religiosos.]

NA ARGENTINA


https://brasil.elpais.com/internacional/2020-12-29/votacao-historica-no-senado-de-projeto-para-legalizar-aborto-na-argentina.html 

domingo, 27 de dezembro de 2020

OS CD QUE MAIS GOSTEI EM 2020 (parte 4)

 por Marvioli


Dos critérios: 

1.  mídia física (CD) comprada.
2. gostei mais que os outros.
3. não entra aqui álbuns lançados em streaming. 


XI. APKÁ

CÉU

músicos:

Céu - voz
Pupillo - bateria e programações
Hervé Salters - teclados
Lucas Martins - baixo
Pedro Sá - violão
Leonardo Matumona - coro
Marc Ribot - guitarra

SLAP, 2020



 XII. SERÁ QUE VOCÊ VAI ACREDITAR?

FERNANDA TAKAI


John Ulhoa - todos os instrumentos  e arranjos (não discrimina dos instrumentos tocados pelo solitário músico)

Participações espaciais:

Maki Nomiya
Virginie Boutaud

Deck, 2020



OS CD QUE MAIS GOSTEI EM 2020 (parte 3)

por Marvioli


Dos critérios:

1. mídia física (CD) comprada.
2. gostei mais que os outros.
3. não entra aqui álbuns lançados em streaming.


VIII. CINZENTO

MARCOS VALLE


músicos:

Marcos Valle - vocal, piano acústico, sintetizadores, órgão, rodhes, violão e percussão
Alberto Continentino - baixo, violão.
Renato "massa" Calmon - bateria, percussão

Jessé Sadoc - metais

Convidado:
Emicida - vocal

Deck, 2020






IX. SOU DE POUCA FALA

PATATIVA

Músicos:

Luis Júnior Maranhão - arranjos, violão de 7, cavaco, baixo, bandolim e viola caipira.
George Gomes - bateria
Tiago Lindoso - bateria
Júnior sanfoneiro - sanfona
Jadi do trombone - trombone
Hugo Reis - trombone
Omar do Trombone - trombone
Hugo Hori - flauta
Marquinhos Carcará - percussão
Osvaldo Abreu - percussão
Katiana Duarte, Milena Mendonça e Luis Junior Maranhção - Coro


SARAVÁ Discos, 2020




X. PARANAUÊ

CHICO ALVES

"A ousadia de lançar um disco centrado em parcerias e canções inéditas (…)
reforça ainda um caráter político do trabalho de Chico.
A fuga da acomodação e do sucesso fácil no colo de um repertório consagrado,
e com diálogo com a tradição a partir daquilo que ela tem de melhor: a capacidade
de beber na fonte do passado"
Luiz Antonio Simas






Biscoito FINO, 2020





OS CD QUE MAIS GOSTEI EM 2020 (parte 2)

 por Marvioli


Dos critérios: 

1.  mídia física (CD) comprada.
2. gostei mais que os outros.
3. não entra aqui álbuns lançados em streaming. 


V. ENTRE MIL.. VOCÊ - UM TRIBUTO A JACOB DO BANDOLIM

DANIELA  SPIELMANN E SHEILA ZAGURY


Daniela Spielmann - sax soprano, tenor e flauta.
Sheila Zagury - piano.
Almir Côrtes - bandolim
Clarice Guimarães - pandeiro, caixa de fósforo
Roberta Valente - pandeiro
Catherine Bent - violoncelo
Rodrigo Villa - baixo acústico e elétrico
Soraya Ravenle - voz
Xande Figueiredo - bateria 

Kuarup discos, 2020




VI. RIMA

ANTÕNIO NÓBREGA


Músicos:

Cleber Almeida - bateria
Daniel Allain - flauta e sax tenor
Edmilson Capelupi - violão de 7, guitarra, arranjos e direção musical
Edson Alves - baixo, violão e arranjos
Jotagê Alves - clarinete e clarone
Leo Rodrigues - percussão
Olivinho - sanfona
Zé Pitoco - clarinete e sax alto

Tratore, 2020



VII. ABRICÓ DE MACACO

JOÃO BOSCO


Músicos:

Kiko Freitas - bateria
Ricardo Silveira - guitarra
Guto Wirtti - baixo
João Bosco - voz e violão
Anat Cohen - sax soprano
Marcelo Caldi - sanfona
Marcello Gonçalves - violão de 7

Convidados:

Moysés Marques
João Cavalcanti
Alfredo Del-Penho
Pedro Miranda

Som Livre, 2020


OS CD QUE MAIS GOSTEI EM 2020 (parte 1)

por Marvioli


Dos critérios: 

1.  mídia física (CD) comprada.
2. gostei mais que os outros.
3. não entra aqui álbuns lançados em streaming. 


I. SARABANDA 

LÍVIA NESTROVSKI E ARTHUR NESTROVSKI

Lívia - voz
Arthur - violão e voz
Fred Ferreira - produção musical

Circus, 2020



II. NASCENTES

MARIANA ZWARG sexteto universal


Mariana Zwarg - arrangement, C flute, alto flute, soprano saxophone, piccolo, soprano saxophone.
Mette Nadja - vocals, wood agogô, triângulo, percussion effects, reco-reco, tamborim.
Johannes von Ballestrem - piano, melodica, acoustic piano, fender rhodes.
Sá Reston - electric bass, arregement.
Pierre Chastel - drums, vocals.
Sami Kontola - metal agogô, caxixi, tamborim, pandeiro, triângulo, zabumba, reco-reco, castanets, agogô castanha, 

convidados - Hermeto Pascoal - glass os water ( faixa 2), melodica (faixa 5 e 7)
                      Itiberê Zwarg - tuba (faixa 3), eletric bass e vocals (faixa 5)

MCK discos, 2020



    III. FAZENDO SAMBA

MOACYR LUZ E O SAMBA DO TRABALHADOR

" É o quinto disco do grupo, que também soma 3 DVDs ao vivo e conta com as participações de Leci Brandão, João Bosco e Roberta Sá. Dentre as composições inéditas, a parceria de Moacyr com Zeca Pagodinho dá título ao disco. E da tabelinha entre Moa e Sereno nasceu “Eu sou batuqueiro”, que homenageia as imortais Dona Ivone Lara, Beth Carvalho e Vovó Maria."


Biscoito Fino, 2020



    IV. O SAMBA DE MARTINHO DA VILA

GRAÇA BRAGA

Graça Braga - voz
Joan Barros - arranjos e violão
Rodrigo Carneiro - Violão 7 cordas
Marcelo Martins - cavaco
Fernando Jarrão - pandeiro, tamborim  e agogô
Bruno de Sousa - percussão
Renato Melo  - Bateria
Emerson Marciano - baixo
Gugu - sax, gaita e flauta transversal
Kelly Silva, Jéssica Américo e Edinho Silva - Coro

 Elifas Andreato - capa
Thiago Marques Luis - produção

Discobertas, 2020




sexta-feira, 5 de junho de 2020

Foi. "Fui!"

Faço parte de uma organização, por onde pessoas muito interessantes já passaram por lá, ié trabalharam lá.

Uma delas trabalhava com as palavras, isto é, traduzia para o papel aquilo que apurava, via, avaliava e escrevia.

Nos idos das manifestações de 2013, ela afoita, saia em busca do sonho. Um novo mundo possível.

Eu, quase idoso na forma da lei, dizia: cuidado isso é coisa da direita. Nunca vi uma manifestação onde não se pudesse carregar a sua bandeira.
Mandaram o fulano e o sicrano, enfiar as bandeiras dos partidos no ...

Como toda jovem, cadê de escutar o idoso.

Dizia, Marcus eu vou pra manifestação. E eu, ok.

Eu, ainda tentava persuardi-la. Menina tu és alérgica pra caralho, essas bombas de gás lacrimogêneo podem te lascar.

Tudo em vão. Ia, foi e balançou e defendeu suas bandeiras.

De lá pra cá q história conta.

Golpe.

Prisão do Lula.

Eleição do indigitado.

Mas hoje, encontrei minha amiga, minha menina, minha "filha" feliz, neste espaço virtual.

Beijos.
Marcus Vinicius Oliveira

quinta-feira, 13 de fevereiro de 2020

É SÓ ISSO MESMO !



 VATICANO - 13/02/2020









HOMENAGEM DO BLOCO CONCENTRA MAS NÃO SAI - MARCELLO SANTOS

Por Américo Sousa, pelo bloco Concentra Mas não Sai



"No ano em que completa 18 anos de fundação, o Bloco Concentra Mas Não Sai, o mais tradicional do Pré-Carnaval de Fortaleza, aproveita esse caloroso e plural espaço da Praça do Ferreira, coração de nossa cidade, para render homenagem a quem fez e faz importante e inestimável contribuição para o nosso carnaval.

Este ano nossa homenagem vai para o arte-educador, etno-musicólogo e mestre percussionista Marcello Santos.





Nascido no Rio de Janeiro, em 8 de setembro de 1970, Marcello Santos se envolveu com o carnaval desde a infância, participando de blocos populares no Rio e também no GRES Estação Primeira de Mangueira.

Radicado em Fortaleza desde 1990, Marcello tem dedicado sua vida à pesquisa e ao ensino das tradições ancestrais da música popular brasileira, em especial suas matrizes africana e indígena.

Em 2003, fundou a Caravana Cultural, grupo e escola musical responsável pela formação de algumas dezenas de músicos que hoje atuam em diferentes blocos de pré-carnaval e do carnaval de Fortaleza e também em grupos musicais não carnavalescos no Brasil e no exterior.

Figura atuante na cena carnavalesca da cidade, já participou dos blocos Unidos da Cachorra, Bons Amigos e Zé Pretinho, e do Maracatu Rei de Congo. Atualmente, à frente dos batuqueiros da Caravana Cultural e dos Alabés do Afoxé Acabaca, realiza a festa percussiva Tambores Carnavalescos, nos domingos de pré-carnaval da praia de Iracema, além de comandar desfiles na av. Domingos Olímpio.



Ao longo de trinta anos Marcello Santos tem agregado saber, técnica, diversidade rítmica e, acima de tudo, paixão e generosidade, à comunidade carnavalesca de Fortaleza, por isso tudo, ele hoje recebe, das mãos de Marcus Vinicius de Oliveira, o nosso Marvioli, esta placa, símbolo do nosso reconhecimento gratidão.

Muito obrigado Mestre Marcelol Santos"




A não saída do "É SÓ ISSO MESMO!"

Fotos - Marvioli e Luis Antônio